A irmã safada

* Reprodução | Grande Prêmio

* Reprodução | Grande Prêmio

Na Folha de hoje, Tatiana Cunha conta a seguinte história: Sebastian Vettel batizou o carro com o qual venceu o GP da China de Irmã safada da Kate. A tal Kate, segundo o prodígio alemão, seria o bólido do GP da Austrália, com o qual ele trombou com o Kubica e acabou com sua corrida a três voltas do final.

Fantástico, este rapaz. Primeiro porque ele tem carisma, coisa rara nesta F1 de declarações frias e tantas vezes manjadas. Segundo porque é mesmo espetacular. E terceiro porque, aparentemente, sua relação com seu carro é muito mais íntima do que a homem-máquina.

Sucesso no relacionamento com a irmã safada da Kate, então.

Anúncios

Uma resposta to “A irmã safada”

  1. […] Apresento a vocês a estrela de meu primeiro post neste Zeroforce: a irmã safada da Kate, que até hoje me rende acessos de punheteiros que procuram […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: